O Universo e a Terra
Informação retirada do livro O Mistério da Vida - 5.º Ano, Texto Editores

Pensam os cientistas que o Universo foi originado a partir de uma grande explosão - o Big-Bang. A partir dela, a energia, a única coisa que havia no início, foi-se transformando em diversos materiais ao longo do tempo; desde então passaram 15 000 milhões de anos!

Estes materiais foram originando milhares de milhões de corpos celestes, como as estrelas e os planetas.

Corpos celestes: estrelas
Planeta

Repara que, até agora, os cientistas, com os seus instrumentos modernos de observação do espaço, como os telescópios e as sondas espaciais, nunca conseguiram um único indício de vida no Universo, à excepção do planeta Terra!

Instrumentos para observar o espaço: sonda e telescópio

No nosso maravilhoso planeta a vida «fervilha» numa inacreditável variedade de formas, tamanhos e modos de vida... um grande mistério por desvendar!

Ainda mais surpreendente é o facto de os milhões de seres vivos diferentes povoarem apenas uma pequena «película» superficial da Terra - a crosta terrestre.
Aí os seres vivos estão presentes, em maior ou menos quantidade, em todos os locais, mesmo nos mais estranhos e agrestes.


Crosta terrestre

Fina camada, com alguns milhares de metros de espessura, quando comparada com todo o nosso planeta que, até ao seu centro, tem mais de 6000 km de profundidade.
Aparentemente as condições para a vida se desenvolver só existem nesta fina superfície, que contacta com a atmosfera - o ar - e com a hidrosfera - a água do planeta.

















     
Política de Privacidade | Termos de Utilização | Quem Somos
2001 © Texto Editores - Todos os Direitos Reservados.